terça-feira, 26 de junho de 2012

Na gaveta, por um tempo.


Pois é, pelo visto nosso amor virou mesmo gravata apertada. Eles diziam que era lindo, que combinava, deixava qualquer visual melhor. Nosso amor deixava tudo mais bonito. Um complemento, adereço, aquela peça chave que dá vida ao que está tão simples. Ele era assim, e eu gostava. Estava tudo indo tão bem. Mas começou a apertar, apertar, apertar. Sabe aquele nó perto do pescoço? Estava me sufocando! Gravata tão bela, mas ia me deixar sem ar. Eu precisei arrancar de mim, precisei tirar antes que tomasse conta de tudo. Não podia me dominar, não podia. Agora guardei. Muito bem guardada(o), por sinal. O ar corre pelos meus pulmões e eu consigo respirar melhor, mas admito, é estranho, parece que falta algo em mim.

(Eu sinto sua falta.)

9 comentários:

Rafa Antunes. disse...

''Pois é, pelo visto nosso amor virou mesmo gravata apertada. '' tipo, amei essa frase!

Biia Rodrigues disse...

que texto maravilhoso, amei. Eu fiz a mesma coisa, guardei o amor. Mais, sinto falta...
Beijos :*
http://pepperlipstick.blogspot.com.br
ps: Eu li Hush Hush é realmente ótima, uma das melhores series que já li

Lorena Flor disse...

caramba, lindo *-*
beijo ;*

http://lorena-flor.blogspot.com.br/

Stephanie Vieira ♥ disse...

Sem palavras pro seu texto, tipo amei *-*.
Seguindo aqui >.<
http://garotadoolharsincero.blogspot.com

Bia Hain disse...

Oi, Láis. a partir do momento em que aperta e começa a sufocar, a melhor atitude, mesmo que parece estranha é arrancar mesmo e guardar bem guardado. Ninguém merece sobreviver em tal situação. E com o ar entrando nos pulmões, em breve tudo ficará mais leve. Um abraço!

Lu disse...

mais uma daquelas coisas que tanto nos faz mal mas que precisamos.

carregando... disse...

Compra um colar! ^^'

Paula Lima disse...

Que texto lindo, acho que todo mundo já teve um momento assim.
xoxo
Curti aqui!
Cerejas Atrevidas

Giuliano M. disse...

O grande dilema entre amor x liberdade, sentir-se livre...

Eu acabei preferindo me sentir preso ao amor, no fim de tudo acho que vale mais a pena.

bjooo